Inicio Vídeos Polícia Civil esclarece homicídio em Dois Vizinhos

 

Polícia Civil esclarece homicídio em Dois Vizinhos

Após intenso trabalho de investigação, a Polícia Civil esclareceu nesta quarta-feira (14/12), o homicídio registrado na sexta-feira (09/12), em Dois Vizinhos, onde foi vítima o trabalhador da BRF Amarildo Polasso, 48 anos. Nesta quarta-feira (14), foi preso acusado pelo crime Edilson Alves de Mello, 37 anos.

Amarildo foi morto por engano, pois a intenção de Edilson era matar a pessoa de iniciais A.M, porém no dia do crime a vítima estava com roupas parecidas e fazia o mesmo trajeto, já que ambos trabalhavam na BRF.

Conforme apurado pela polícia, Edilson teria um caso amoroso com Delci Favretto Manfredi, 42 anos, casada com A. M, que também foi presa. Segundo a polícia, ela teria planejado a morte do marido, dando detalhes do horário, a roupa e o trajeto que o esposo fazia para que Edilson cometesse o crime.

Ele foi preso no Bairro Concórdia no momento em que tentava fugir para Francisco Beltrão e tentou enganar os policiais apresentando uma identidade falsa. A cúmplice foi presa no Bairro Nossa Senhora de Lourdes. Quanto à arma usada no crime, um revólver calibre 38, essa foi encontrada na casa de um parente de Edilson.

Os dois, assassino e cúmplice, permanecem à disposição da justiça na carceragem temporária da Delegacia de Polícia de Dois Vizinhos. Toda a investigação foi coordenada pelo delegado William da Rocha Assunção, que assumiu a delegacia recentemente.

 

Apoiadores:

difer

itaipu
odoidao